10 dicas para sobreviver ao Universo Paralello

IMG_2757

 

Flag Malabares, Universo Paralello, Pratigí, Bahia
Saudade é o sentimento que melhor define minha relação com o Universo Paralello. Um festival único em um paraíso na Bahia, a praia de Pratigí. O UP representa a cultura eletrônica em sua forma mais bonita. É difícil descrever, só quem presenciou uma de suas 12 edições pode realmente entender a dimensão dessa experiência, no berço do trance no Brasil.
Um lugar onde os dias duravam 72 horas, as noites eram coloridas, o céu de fazenda e tantas pessoas do bem. Uma festa que de dois em dois anos reúne, em plena semana do Ano Novo, famílias, estrangeiros, jovens, gente de todo Brasil unidos pela música eletrônica, só que mais do que isso procurando o equilíbrio dentro de si.
Simultaneamente aos cinco palcos montados na extensão da praia, artistas se apresentam, há encontros de meditação, massagem e muita troca de energia. São sete dias, que parecem durar meses e sem nenhum sinal de telefone disponível.
Este ano a festa já está com data marcada de 27/12/2015 à 4/01/2016. Dá para comprar ingressos e achar excursões cadastradas pelo site e aqui, pensando em dividir o melhor que esse lugar me ensinou, montei uma lista com o que você não pode deixar de levar, para não passar perrengue e o que é melhor deixar em casa, seja material ou não.
Apresentação de artistas pendurados pela pele no Universo Paralello, Bahia

 

  • Desprenda-se de vergonha e preconceitos

Se você nunca foi a uma praia naturalista, ou topless ainda é um tabu na sua cabeça, essa será uma primeira boa experiência. Entre os amantes de música eletrônica há muitos naturalistas e vez ou outra você irá esbarrar com essas tribos. Você terá duas opções: não se importar e agir com naturalidade ou juntar-se! Ficar encarando, definitivamente, não é uma opção e isso fica bastante claro observando o respeito mútuo entre as pessoas.

  • Protetor solar, boné, óculos de sol, barraca de praia, lona ou até gazebo

Vai estar sol, muito sol, o sol da Bahia(!!!), então pelo amor de Zeus proteja-se. Ninguém merece passar os sete dias de festival dolorido e com a pele ardendo.

  • Beba muita água

Não queremos ninguém desidratado e ao contrário de outras festas raves, que super inflacionam o preço d’água, no Universo o preço é justo e você também pode levar galões para deixar na barraca.

  • Acampe em grupo

Ok, é um festival lindo com muita gente do bem, mas muitos espertos querendo se dar bem também. Eu aconselho, se você estiver com um grupo, a montar as barracas em círculo, como uma vila, para que uma pessoa sempre possa ver a entrada da barraca dos outros. E, claro, evitar os campings muito afastados.

Ano Novo

 

  • Não leve roupas ou biquínis brancos

Eu sei é Ano Novo e todo mundo quer se vestir de branco, porééém em Pratigí a água é salobra, então na hora do banho as roupas sempre ficavam manchadas de marrom (na verdade não só no banho, durante o dia também).
Ganhei um biquíni lindo antes de ir, todo branquinho com pintas pretas, e ele voltou irreconhecível. Então, a não ser que você tenha um tira manchas infalível é melhor evitar roupas claras.

  • Leve dinheiro vivo
Na praia definitivamente não vai ter caixa eletrônico, o banco mais próximo fica na cidade vizinha em Ituberá. Alguns caixas até aceitam cartão, mas imaginem já é difícil achar sinal para celular, quanto mais para a máquina de cartão.
Então, faça as contas de quanto pretende gastar e programa-se. A alimentação não costuma ser tão cara lá dentro. Você gasta uma média de R$10 a R$20 por refeição, somado é claro ao que for beber durante o dia.
Você ainda é autorizado a entrar com uma garrafa de espumante para a noite da virada. Tente negociar com os bares para colocarem para gelar para você, pode dar certo, mas vai depender da boa vontade, é claro.
  • Não esqueça: lanternas, cangas, toalha mágica e sabonete líquido biodegradável, é sério!
A iluminação a noite não é 100% na praia, então uma lanterna pode fazer bastante falta para voltar para a barraca ou na hora do banho.
A canga será sua melhor amiga seja para descansar, almoçar, pegar sol, ou se proteger do vento à noite. Então, independente para homens ou mulheres levem no mínimo duas.
Nem sempre é possível montar um varal para secar sua toalha, então uma toalha mágica, daquelas que secam rapidinho, é super indicada para não fazer peso nas suas coisas e garantir praticidade.
Falando em banho, imagine você depois de um dia inteiro pulando no Palco Mundo, cheio de sal e com a pele queimada, entrando para tomar seu merecido banho e seu sabonete cai no chão cheio de areia. Não precisa chorar, só lembrar de levar um sabonete líquido e se possível biodegradável para ajudar a manter a praia sempre limpa.
O festival também divulga outras iniciativas maneiras como esse encontro de bikes, UP, Bahia
  • Guloseimas

Praia da fome, muita fome. Então, pode ir carregado de barrinhas de cereais, biscoitos, enlatados e outros alimentos que não estraguem com facilidade. Além de economizar no festival, você evita as filas da área de restaurantes.

  • Saiba seus limites

É um festival e todo mundo quer experimentar tudo até a última gota. Mas lembre-se que você tem sete dias para aproveitar, conhecer gente nova, trocar experiências e conhecimento. Então, vá com calma, trabalhe sua espiritualidade e respeite seu corpo.

  • Aproveite o máximo, você não sabe quando vai estar lá de novo

A primeira coisa que você pensa quando vai chegando o fim dessa festa é que a partir de agora toda edição você vai voltar. Mas sabemos que a vida não é tão simples assim, né?!
Trabalho, família, faculdade, mestrado, uma série de compromissos acabam surgindo e inviabilizando seu retorno. Fora a mudança de seus próprios interesses, a vontade de conhecer outros lugares e até falta de grana.

Então, sinta o lugar, aproveite cada dia e procure conectar-se com o máximo de pessoas que conhecer por lá, poucas vezes vi tanta gente bacana e interessante reunida 🙂

Universo Paralello, Praia de Pratigí, Bahia, Brasil

 

1 Comment

  1. Olá Nath! Tô pretendendo ir ao festival nesse ano mas queria saber se o ingresso inclui camping para que eu possa levar minha própria ⛺! Pois a hospedagem com aluguel de barraca lá dentro está absurdamente caro. Tem como me ajudar? Grata bjsss

Deixe uma resposta